Talkability, palavra da moda para as marcas.

Por:

Marcello Penna

Sócio e diretor de branded content da Sentimental Filme


Três práticas que podem pavimentar o caminho para uma marca aumentar a sua popularidade e desenvolver conteúdos que possam ser comentados e compartilhados entre as pessoas.


Talkability: essa é a palavra da moda para as marcas. Na prática, o termo entrou no lugar do “Vamos fazer um viral?”.


As marcas têm uma compreensível obsessão de fazer sucesso, porque isso afeta o negócio como um todo. Mas será que existe uma fórmula mágica para o talkability?

Não é simples, mas listei três práticas que podem pavimentar o caminho para uma marca aumentar a sua popularidade e desenvolver conteúdos que possam ser comentados e compartilhados entre as pessoas.


1- O medo de errar não te deixa acertar

Para acertar é preciso errar. Para andar é preciso cair. É assim com tudo. O problema é que nós vivemos num ambiente onde o erro é condenável – ainda mais para grandes marcas. A internet emancipou as pessoas, que muitas vezes passaram a enfrentar as marcas. Nesse embate de Davi e Golias nós sabemos bem quem acaba prevalecendo. De certa forma, isso pode amedrontar algumas marcas. Mas é preciso ter coragem para se expor e reconhecer eventuais erros. A orientação tem que ser: “vamos produzir”, “vamos fazer”. Não dá mais para deixar as ideias morrerem na gaveta.

2- A escolha do formato

Para fazer parte da vida das pessoas é fundamental ter uma atenção especial com a narrativa. Há uma predisposição natural das pessoas rejeitarem o que é enlatado, ou mesmo o que é imposto. A presença de marca precisa ser muito bem conduzida dentro de um produto de entretenimento. Isso é um fator crítico para gerar conexão com a audiência. O segredo do sucesso pode estar mais no formato da história do que na ideia em si.

3- Social Listening

Escolher temas “quentes” pode ser um bom caminho para a marca estar inserida no que já está sendo falado. Também é importante dialogar com a audiência e, se possível, evoluir o conteúdo original em função dessa conversa, criando um sentido de intimidade com a audiência. Essa atitude certamente levará ao aumento de lembrança espontânea, de consideração e pode até transformar essa audiência em consumidores.

Até bem pouco tempo, as marcas estavam presas dentro do um único formato (publicitário) onde elas contavam suas histórias e os consumidores recebiam aquela mensagem, na maior parte das vezes, de forma estritamente passiva.

No final das contas, o “talkability” tem muito mais a ver com uma mudança de atitude da marca. Para ser uma marca moderna e comentada pelas pessoas é preciso estar conectada com os valores e com as pautas da atualidade e conseguir transferir isso para suas ações táticas, de forma ágil e honesta.


Original:

http://www.meioemensagem.com.br/home/opiniao/2018/03/02/talkability-palavra-da-noda-para-as-marcas.html


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

@1nkBrasil 2015 - 2020

1nk Brasil - Única Brasil Serviços Digitais

whatsapp-logo-icone.png